Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Primeiro ministro poucochinho

por pauloconde, em 26.11.15

Costa Socrates.JPG

 

Com a indicação para primeiro ministro de um líder partidário derrotado copiosamente nas eleições de 4 de Outubro, Portugal passa a ser institucionalmente um país de derrotados. É penosamente poucochinho. Como se não bastasse, a nomeação de membros da seita Socrática para o Governo, torna Portugal mais perto da Venezuela do que da Grécia. Os portugueses anseiam que esta tragicomedia dure pouco, sob pena da Troika regressar com maioria absoluta.

 

Paulo Conde, Correio da Manhã 2015

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:26


Leis contra natura

por pauloconde, em 23.11.15

Grávido.JPG

 

 

A esquerda radical tem aproveitado a fraude eleitoral saída das eleições de 4 de Outubro para fazer passar leis contra natura no parlamento. Num rol tão bizarro, não me espantaria que o conluio tri-partido aproveite o hiato democrático para pôr os homens a engravidarem, algo que a própria mãe natureza ainda não se lembrou.

 

Paulo Conde, Correio da Manhã 2015

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:23


Segundo resgate à vista

por pauloconde, em 06.11.15

Z.jpg

 

 

 

A tragicomedia politica levada à cena em Portugal já inquieta quem nos empresta dinheiro. Creio até que a Troika só está à espera que a esquerda golpista usurpe o poder para aterrar novamente na Portela. Desta vez a comitiva traz mais bagagem, porque tal como na Grécia, as recaídas são sempre mais longas e penosas.

 

Paulo Conde

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 00:47


Desavenças nas esquerdas

por pauloconde, em 02.11.15

lideres_esquerda770.jpg

 

 

Jerónimo de Sousa diz que PS, PSD e CDS são tudo farinha do mesmo saco. Catarina Martins grita que o PS é a desilusão das eleições e António Costa jura que o BE é parasita e oportunista. Perante este lavar de roupa suja seria a tragédia grega para Portugal entregar o seu destino a três comadres desavindas.

 

Paulo Conde, Correio da Manhã 2015

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:03


Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Novembro 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2004
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2003
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2002
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D
  235. 2001
  236. J
  237. F
  238. M
  239. A
  240. M
  241. J
  242. J
  243. A
  244. S
  245. O
  246. N
  247. D
  248. 2000
  249. J
  250. F
  251. M
  252. A
  253. M
  254. J
  255. J
  256. A
  257. S
  258. O
  259. N
  260. D
  261. 1999
  262. J
  263. F
  264. M
  265. A
  266. M
  267. J
  268. J
  269. A
  270. S
  271. O
  272. N
  273. D
  274. 1998
  275. J
  276. F
  277. M
  278. A
  279. M
  280. J
  281. J
  282. A
  283. S
  284. O
  285. N
  286. D
  287. 1997
  288. J
  289. F
  290. M
  291. A
  292. M
  293. J
  294. J
  295. A
  296. S
  297. O
  298. N
  299. D
  300. 1996
  301. J
  302. F
  303. M
  304. A
  305. M
  306. J
  307. J
  308. A
  309. S
  310. O
  311. N
  312. D